Vida para Além das AC's.

Zona destinada ao convívio entre os participantes.

Vida para Além das AC's.

Mensagempor jorge santos » domingo jul 20, 2008 5:36 pm

QUEM É O "KIKO" ? - 1ª PARTE - O ENCONTRO.
Registo fotográfico e filme.
Todos os que os possuem estimam os seu animais de companhia.
Desde a adolescência nunca me senti atraído por nenhum. Até que o Kiko me adoptou...
Num qualquer país da Europa «««««
A tarde, apesar do Sol, estava bastante fria. Normalmente, não saíriamos com as temperaturas a rondar as negativas.
Vamos dar uma volta por aí, disse para a minha mulher. Agasalhámo-nos e entrámos na pequena floresta alí perto.
Logo no grupo de árvores, deparou-se-nos um pequeno animal, cauda caída,arrastando-se com dificuldade, cabeça e orelhas erguidas para nós, como se estivesse perto do fim da sua existência.
A minha mulher começou a fotografá-lo e eu segui o meu caminho. O bicharoco resolveu meter-se entre os meus passos pouco se preocupando se eu lhe punha os pés em cima. Cinco a dez metros à frente, a minha mulher insistiu, agarra-o êle não te faz mal. Com relutância, peguei-lhe, um monte de ossos tiritantes. Ficou quieto na minha mão, possívelmente a gozar algum calor. Pulo na manga do casaco e êle trepou até à gola e encostou-se ao meu pescoço, para receber mais aconchego. Estava gelado. Pensei, não vais durar até ao fim do dia. Dentes como agulhas e garras ponteagudas, perto das minhas orelhas, não inspiravam confiança. Dentro do bôlso das calças, entre as chaves, lenço e telemóvel, voltámos para a autocaravana, aquecemos um pouco de leite, talvez quente demais para o seu gôsto. Duas goladas chegou. Não deve ter gostado do leite português. Alguns minutos depois no calor da AC, dispôs-se a conhecer os cantos "à casa". Assim o fêz, devagar e em passo pouco firme.
Na expectativa. pareciamos um casal jóvem, a quem lhes tivesse sido entregue um bébé, sem saber o que lhe dar de comer, beber, fraldas ou acomodar.
Outra dúvida, subsistia.
Porque razão o bicho nos tinha encontrado, e, se tinha entregue tão expontâneamente. Só sabiamos um facto positivo inerente à raça, mas insuficiente se o queriamos salvar.
Onde estava a progenitôra ? Porque tinha desaparecido ? Porque motivo foi abandonado ? Que pequeno drama (para nós) se teria passado na vida selvagem ?
Uma telefonadela rápida para Cascais, procurando esclarecimentos.
Alguns minutos depois e após consulta na Net, já tinhamos um pouco mais de informação.
Uns olhos negros sem expressão, fitavam-nos, como que procurando - o que vai acontecer agora ?
... continua ...
jorge santos
 
Mensagens: 138
Registado: domingo nov 27, 2005 3:49 pm

Vida para Além das AC's

Mensagempor jorge santos » domingo jul 20, 2008 11:17 pm

QUEM É O "KIKO" - 2ª PARTE - CONFLITOS - .... continuação ....

Nada que informaram nos ajudava.
Cuidado ! Não é um animal de companhia ! É perigoso, precisa de alimentação especial, acomodação própria, ampla, e mais uma serie de recomendações que me deixaram ainda mais preocupado.
Raiva ? passou pela minha mente.
Então eu agarro num bicho selvagem, para terminar os meus dias de vida na sala de isolamento de um hospital ?
Onde é que êle vai dormir ? Na minha cama e vou despertar com a garganta estraçalhada ?
Bem, português é conhecido por improvisar. Eu tinha que dar continuidade à qualidade que nos condena face à ordenada conduta de outros povos.
Mãos à Obra - Comida ! Fomos ao stock de cereais que carregávamos e ficámos supridos para os próximos 2/3 dias. Êle não ia morrer de fome !
Cama ! Uma camisola de mulher, bastante quentinha e quase a ser reformada, seria o cobertor. A caixa do router seria a cama. Fui apanhar algum feno, para aumentar a temperatura na caixa.
Pronto. Que mais podia fazer naquêle "deserto liquido". Aquela noite seria um teste para nós três.
Mas, havia uma coisa que eu não queria pensar.
Como é que eu vou passar as várias fronteiras da minha viagem, sem detectarem o bicho ? Se descobrem, vou prêso, apanho uma multa dos diabos e várias injecções na barriga ( como me fizeram há 60 e tal anos )
Êle estava vivo no dia seguinte e continuou...
Num instante passaram alguns dias.
A caixa cama estava a desconjuntar-se. Teriamos mais um utilizador no chuveiro da AC. Êste até abusava - Ocupava-o dia e noite !
Enquanto eu me aliviava, tinha sempre dois olhinhos negros a espreitar -
Adeus privacidade.
Para se vingar, cada vez que subia até aos meus ombros, sentia uma urgência em esvaziar a bexiga e os intestinos.
Toma lá para saberes o que sôfro quando vais à sanita ! Entretanto, fortalecia-se e começava a disputa.
O bicho deve ter pensado, tenho de bater êste tipo em esperteza - Não se pode viver no chuveiro de uma autocaravana em movimento sendo atirado constantemente de um lado para o outro.
Português tótó, pensas que eu não sei saír daqui ?
Ferry-boat, horas, decks com TIR's, automóveis, caravanas, autocaravanas e toda a gente nos decks superiores ou nas cabinas, relaxando ou dormindo.
Quando voltámos, o Kiko tinha urinado e defecado no tablier, nos estofos das cadeira do condutor e passageiro, comido parte de um bôlo, desarumado papéis e mordido a alavanca das mudanças e possívelmente tinha sido visto por alguém da tripulação.
Eu corto-lhe o pescoço e deito-o ao mar, foram os meus desejos.
E, se alguém me vê ?... Pena suspensa...
Eu tramo-te, bicho danado. Deixei tudo bem fechado, e a minha mulher testemunhou - Não havia maneira de saír. Como é que êle tinha feito ?
O compartimento do chuveiro é todo em plástico liso com porta de correr arredondada. A pequena abertura entre batente e porta, tinha sido a via de saída e ála que se faz tarde, passou debaixo da porta da retrete.
Entrámos e inocentemente, êle lá estava no chuveiro, como se nunca de lá tivesse saído.
Agora era diferente - esperto contra esperto.
Manteiga em todas as superficies escaláveis. Peça de metal em S apertando porta de plástico do chuveiro e o batente, nem um dedo passáva.
Ouvimos alguns trambulhões - o "patêgo" estava a ganhar - Não por muito tempo - O bicho lambeu a manteiga até onde necessário, toca a trepar, pular para a bicha do chuveiro, um pouco de equilibrio no tôpo, salto para o tampo da sanita, passar debaixo da porta e,
Olá, Bom dia autocaravanistas !!!! Tinha-me esquecido da bicha do chuveiro... e perdido em esperteza !!!
... continua ...
jorge santos
 
Mensagens: 138
Registado: domingo nov 27, 2005 3:49 pm

Mensagempor Pluma Vermelhinho » segunda jul 21, 2008 8:10 am

Relato e experiencia espetaculares 8)
Boas viagens e fiquem bem.
WWW.WOOPHY.COM - Member » Jorge Ribas
Pluma Vermelhinho
 
Mensagens: 972
Registado: quarta nov 15, 2006 9:02 pm
Localização: Loures

Mensagempor RUYMORAIS » segunda jul 21, 2008 9:26 am

bem pelos vistos temos de esperar para saber mais , afinal que bicho misterioso e esse ?
Avatar do Utilizador
RUYMORAIS
 
Mensagens: 347
Registado: segunda mar 10, 2008 10:12 pm
Localização: amadora/moinhos da funcheira

Mensagempor pressler » segunda jul 21, 2008 1:31 pm

Estou a gostar da historia.
Eu ja apanhei na estrada um coelhinho atropelado. Tambem o pus no duche. Quando parei em Conimbriga expulsei/o, pois descobri que estava cheio, mas cheio de pulgas!!!! Apesar de sangrar do nariz e estar zonzo, ao outro dia ha hora do almoco ainda estava vivinho da silva...
Eu tinha pulgas a passear na AC, nas minhas gatas e na cadela. Deu para aprender e nao voltar a repetir.
Agora recebi um boxer de 4 anos muito doente para tratar. Dah cah um trabalho, remedios a toda a hora, tratamentos, idas ao veterinario e muitas festinhas. E o Zack lah vai melhorando, apesar de nunca vir a ficar bom da Leishmaniose que apanhou...

Serah que o bichinho eh um esquilo?

Ana Pressler
pressler
 
Mensagens: 302
Registado: quinta dez 13, 2007 11:50 pm
Localização: Arruda dos Vinhos

Mensagempor jnunes » segunda jul 21, 2008 1:31 pm

Boa tarde companheiros,
eu diria que é um esquilo.

Abraços e viagens
jnunes
 
Mensagens: 29
Registado: quinta mar 06, 2008 11:55 am
Localização: Lisboa

Mensagempor Luis Camelo » segunda jul 21, 2008 1:45 pm

Olá companheiros :lol:

Pela descrição penso que será somente, um cão bebé. :? :roll:
Um Abraço

Porcina e Luis Camelo
Challenger G36
Avatar do Utilizador
Luis Camelo
 
Mensagens: 249
Registado: terça nov 15, 2005 11:06 pm
Localização: Leça da Palmeira

Vida para Além das AC's

Mensagempor jorge santos » segunda jul 21, 2008 3:18 pm

QUEM É O "KIKO" ? - 3ª Parte - O Adeus .... continuação ....

Tinha que dar crédito ao Kiko. pelos seus dotes.
Pedi auxilio à tecnologia - Comprei uma gaiola.
Tudo ia ser mais fácil. Passou a viajar junto a nós, na cabine ou em cima do sofá do salão. Era solto, dentro da autocaravana, quando parávamos. A música acalmava-o e entorpecia-o.
O sentimento de liberdade que prezo muito, estava a incomodar-me.
Parque imenso, alcatroado, traseiras de hotel, longe de tudo, excepto do barulho atroador da autobahan.
Vou libertar o Kiko ... Rampa amarela contra a entrada principal da autocaravana ( marca e convite para regresso ).
Kiko deve ter-se sentido, como um miúdo em liberdade.
Como um foguete alí vai êle de corrida até boa parte do parque. Bolas, que susto, êste barulho infernal.
Deixa-me voltar ! As polies das rodas ainda estão quentes e é um bom sitio para examinar a parte debaixo do "monstro" onde nos transportamos.
Kiko, Kiko, anda cá. Dez minutos, Kiko volta !
Os "atrasadinhos" estão a chamar. Deixa-me subir a rampa amarela !
Alguns dias depois. Belo parque, lago, imensas caravanas vasias, calor e casal de alemães a almoçar.
Kiko, vai dar uma volta - Rampa amarela em posição. Hora de exploração. Porque é que êstes não têem motor ? Cheiros diferentes !
Alemão pára estupefacto quando vê o Kiko. Não sei o que êle vai fazer.
Stop ! it is mine, don't chase or hurt it !!!
Pare ! Não lhe faça mal, nem o persiga ! Alemão, simpático, diz-me está debaixo daquela caravana. Levou tempo a convencer a ser apanhado, Já iamos no segundo susto.
Bar-le-Duc - França: O parque é uma maravilha. Relvado, sombras, imensas e altas árvores. Idilico.
Apenas um senão, aves de bom porte e um robusto gato arraçado de tigre, que usa o parque para as suas caçadas diárias.
Peguei no Kiko e através dos vidros da autocaravana, mostrei-lho. Senti a tensão, pelos eriçados e se êle compreendeu, dei-lhe a saber que êle podia ser a próxima lauta refeição do "tigrado".
Bem, aquelas árvores eram uma tentação irresistivel...
Tinhamos programado uma semana de férias. Já tinhamos percorrido 10.000 Kms e o Kiko já estava connôsco, há mais de um mês.
Uma linda manhã, deixámo-lo ir.
Era a prova final. O cenário proporcionava tudo quanto êle necessitava para nos abandonar. Estava forte, tinha ganho pêso, ia sobreviver no meio selvagem com alimentação, abrigos e conhecimento dos guardas do parque que tinham mostrado surprêsa alguns dias antes.
Nós ficámos tristes. Tinha sido um companheiro através de milhares de quilómetros. Tinha-nos arranhado, zangados, sinais de contentamento nos nossos regressos diários, bastantes risos com as suas brincadeiras.
Fomos para a cidade almoçar, assistir a um espectáculo e tentar esquecer.
Quando voltámos - Desapontamento. Nem sinal do Kiko, olhámos, prescrustámos todas as arvóres em redor. Nada...
Fui dar uma vista de olhos pelo campo desportivo anexo, 2 campos de futebol oficiais, mais 2 para treinos, ténis, pista atletismo, ribeira e arvoredo circundantes.
Tinham-se passado 8 horas. Sem esperança, colocámos à porta a velha caixa de cartão, a camisola de senhora, o boneco de borracha que gemia quando pressionado, a comida favorita e a rampa amarela.
ADEUS KIKO !
Nunca mais vais conhecer os campistas portugueses, as "miúdas" de Monsanto e Mafra, nem sentir o calor do Sol em Portugal - Dez horas, sem ti. !
O " tigrado " passou para a colheita diária de pássaros ou melhor, enquanto eu verificava o nível de óleo. Ia-me embora daí a dois dias.
Estranhei ver o "tigrado" num tufo de vegetação a abanar a cauda com lentidão em posição de ataque. Kiko também o viu. Era o alvo...
Gritei, Kiko, Kiko e corri para a árvore que êle contornou. Rápido como um raio, saltou para os meus ombros e encostou-se ao meu pescoço. Salvo !
Nunca mais demonstrou desejos de liberdade...
Está a recuperar de tiradas de 585 e 525 Kms, debaixo de um calor tórrido em Espanha e Portugal.
""Kitus"" para todos os autocaravanistas portugueses !
-------------------------------------------------------------------
Nestas três partes, leram indícios suficientes para advinhar quem é o KIKO.
O vencedor (primeira resposta certa) (sugeito decisão da Administração do CCPortugal) vai receber 2 bonés brancos (muito próprios para quem pretenda vender gelados), como recebidos da Comarca de Essone, França, aquando do Rally FICC/FFCC, Villebon-sur-Yvette, 4/12 julho 2008.
Cumprimentos,
Jorge Santos
Cascais
jorge santos
 
Mensagens: 138
Registado: domingo nov 27, 2005 3:49 pm

Mensagempor Nuno Pires » segunda jul 21, 2008 3:53 pm

Boa Tarde a todos.
Jorge permite-me que te diga, genial simplesmente genial.
Para tentar a sorte talvez um esquilo não???


http://nunopire.hi5.com

http://www.vivercamaroes.com/

Boa viajem e vão devagar para chegar mais cedo.
Nuno Pires
Camarões/Sintra
Imagem
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos e reconhecer que vale a pena viver.Pedras no caminho????Guardo todas, um dia vou construir um castelo...
Avatar do Utilizador
Nuno Pires
 
Mensagens: 1553
Registado: segunda set 10, 2007 11:36 am
Localização: Camarões/Sintra

Mensagempor seco » segunda jul 21, 2008 4:12 pm

Boas

Não importa que seja o que fôr!
O importante é que o meu querido amigo Jorge arranjou mais uma estória maravilhosa para juntar mais uma página à sua vida recheada de estórias (de deleitar e passar a noite a ouvir!)
Obrigado, e que vivas por muitos anos com tanta boa disposição, para não deixares de nos surpreender em cada post!

Um grande abraço e um obrigado
seco
 
Mensagens: 589
Registado: segunda nov 28, 2005 7:15 pm

Mensagempor Mario » segunda jul 21, 2008 6:15 pm

Viva Jorge,deliciosa estória ,o que importa é que acrescentou momentos de satisfação á vossa vida ,aliás só por isso é que a compartilhas-te connosco para que dessa forma possamos imaginar essa aventura.
Aquele Abraço

Mário
Mario
 
Mensagens: 841
Registado: quinta mai 24, 2007 4:19 pm
Localização: Albergaria- a -Velha

Mensagempor Pluma Vermelhinho » terça jul 22, 2008 8:27 am

Só posso dizer uma coisa: FABULOSO! 8)

Eu aposto num rato do campo.
Boas viagens e fiquem bem.
WWW.WOOPHY.COM - Member » Jorge Ribas
Pluma Vermelhinho
 
Mensagens: 972
Registado: quarta nov 15, 2006 9:02 pm
Localização: Loures

Vencedores - Quem é o "KIKO" ?

Mensagempor jorge santos » sexta jul 25, 2008 11:26 am

Bom dia companheiros,
Com as minhas desculpas por não ter efectuado o contacto através de PM antes de o estar aqui a fazer públicamente, devido a ter ficado"desactivado", informo que depois de consulta à administração/moderadores do fórum, consideraram um empate técnico, as respoatas dos companheiros:
pressler
e
jnunes,
ao indicarem o "Kiko" como esquilo. Trata-se efectivamente, de um esquilo vermelho.
Os comtemplados, têm à disposição 1 boné para cada, que lhes será entregue, no
VII Encontro CCPortugal - Setúbal
Através do correio, dando-me a conhecer os respectivos endereços para o envio, ou nomeação de outro companheiro, para o/s receber.
Meu e-mail: j.j.s.pereira37@Gmail.com
Parabéns aos vencedores e agradecimento a todos os companheiros pelas simpáticas apreciações à estória, bem como pela participação.
Cumprimentos
Jorge Santos
Cascais
jorge santos
 
Mensagens: 138
Registado: domingo nov 27, 2005 3:49 pm

Mensagempor pressler » domingo jul 27, 2008 9:53 am

Bom dia Companheiro!

Agradeço o boné, mas quando tentei adivinhar, foi de borla!
Ainda não estava prometido nada para quem adivinhasse!!! :wink:
Foi a imagem de ver umas patinhas cheias de unhas a escorregar na manteiga do duche e ele todo esticadinho a tentar chegar mais alto, que me fez adivinhar o esquilo. Creio que vi muitos desenhos animados com a minha filha e ainda vejo com as afilhadas.... :oops: :oops:
Boa sorte para o seu cauda comprida(kiko)
Ana Pressler
pressler
 
Mensagens: 302
Registado: quinta dez 13, 2007 11:50 pm
Localização: Arruda dos Vinhos

Vá lá... façam-nos Justiça !

Mensagempor jorge santos » terça mai 12, 2009 6:36 pm

As preocupações de alguns companheiros relacionadas com o pêso das suas A/c's, influíu e levaram-me a que no caminho para V.N. Milfontes, me desviásse e na entrada para Alcácer do Sal, fôsse à báscula local. Aprontei os € 2,50 pedidos, "ela" acordou, mais uns ruídos metálicos como quem corre os ferrôlhos, impressão e comecei a ver o "nascimento" de um bilhetinho de pesagem - 3.480 Kgs., tinha uma margem de 20 kgs. dedicada a môscas, mosquitos, abelhas e outros tais, que insistem em estamparem-se contra o pára-brisas. Popularidade, têm dêstes inconvenientes, vêem-me, não notam o vidro... depois pum !. A báscula devia estar a seguir as minhas divagações e para me tranquilizar, fêz "nascer" outro bilhetinho - olha lá ó "artolas" - eu estava certa na primeira vez - 3.480 kgs., vai lá à inspecção e convence a GNR que "tás fixe" ! meu !
Cá em casa e os meus amigos já sabem, presença fisica e o espirito nas núvens, possívelmente a falar com alguma "máquina" !
Há dias um amigo preocupado comigo, enviou-me um e-mail de DGV (desculpem IMTT, que eu gosto menos), sôbre a forma legal de circular numa rotunda. Só que a DGV (que eu gostava mais) esqueceram, como a do Marquêz de Pombal e a do Relógio teremos 1% e 99% onde o tamanho das nossas autocaravanas em movimento na faixa da direita, ocupam duma assentada, a saída e entrada na rotunda.
Mas o que é que isto tem a ver com - "façam-nos justiça" ?
Calma companheiros. Eu já não tenho a vossa idade, mas vou lá chegar ... um dia dêstes ! Quando "teclo" é como no euromilhões, sai sempre na tecla ao lado. Quando vejo filmes as legendas chegam ao fim quando eu vou a meio. E, nos "pornós", perco o melhor, porque não encontro as de "vêr ao perto". Não falando das estradas portuguesas. Algumas delas obrigam-me a ir ao dentista, para apertar a prótese dentária!. Estou quase lá...
Agora, sériamente. Êles são "pilotos" de Fórmula 1,2,3, fórmula a,b,c, x e y, êles são pilotos de "bikes" Gozam de fama e fortuna. Êles têem autodromos, pistas até velódromos. Policiamento, contenção de assistência, duas faixas de simetria técnica, céu aberto, veículos leves, últimas descobertas na aerodinâmica e força motora, esforçam-se para chegar aos 320/360 kms/h.
E nós o que é que temos ? : Um "monstro" - 6/7 metros longo, 2,25/2,30 largo, 2,80/3,00 mts alto - 3.200/3.500 Kgs pêso, 120/150 Kms/h., tudo de série, ultra resistentes à deslocação de "BRISA's" e bem pagantes por isso.
O que somos - somos empurrados pelos TIR's contra os Mercedes, BMW's e Audis da faixa da esquerda, emulando os "pilotos" de fórmula 1.
Não somos, pilotos, condutores ou chóferes. Simplesmente e depreciativamente - Autocaravanas. O que êles não sabem ou sequer pensam é que sem consultar qualquer estatistica, somos a classe circulante mais segura e menos acidentada do país.
Somos os que procedemos melhor. Civicamente cumpridores, levamos para a estrada a nossa solidariedade. Conduzimos sôbre a direita, muitos auxiliam pelos piscas, perigo ou estrada livre. Muitos automobilistas agradecem, outros como que a dar a entender, não preciso da ajuda de um autocaravanista, para fazer a minha própria matança na estrada !
O orgão de Turismo nacional, esbanja consideráveis somas a projectar o nome de Portugal no estrangeiro. Entretanto, outros, rechaçam, por falta de estruturas, quem aqui poderia permanecer por prazo alargado.
Quanto a mim essa projecção devia trabalhar de dentro para fóra, era mais sustentável, carecia de menores recursos financeiros, revigorava o nosso espirito de "ser português".
Que fazemos nós ? - Dispersamos as nossas poucas economias, viajando para áreas desfavorecidas, acorrendo a eventos de organização autocaravanista, clubista, semi ou municipal.
Projectamos Portugal, quer através das nossas viagens ao estrangeiro, dos nossos contactos, dos fóruns, dos blogs, do nosso espirito de um modo de actividade, que cria novos incentivos.
Vá lá... façam-nos justiça !
Esperem sentados, não se cansem ! Louváveis iniciativas de companheiros levaram até ao govêrno e suas agências, as nossas aspirações. Os nossos vizinhos até aos dirigentes europeus as fizeram chegar. Num universo tão grande, difícil é aquilatar, quem fêz o quê...
Desde há muito que os nosso governantes apregoam - Temos de estar no pelotão da frente - Se assim fossem os seus designios já teriam sido ouvidos - o Campingcar Portugal, o CPA, o MIDAP e todos aquêles que de alguma forma se pronunciaram sôbre acarinhar o autocaravanismo e todas as sequências com êle relacionadas.
O in'convencionalista, eu, sugere, Ericeira, Pôrto Côvo ou Vila Real de Santo António, mas prefere, Vila Nova de Milfontes, Aldeia da Luz, Izeda ou Tôrre de Moncôrvo.
Qual a opção do companheiro ? Para o local a instalar o 1º. de Portugal ou Europeu, ao :
MONUMENTO AO AUTOCARAVANISTA

Jorge Santos
Cascais
jorge santos
 
Mensagens: 138
Registado: domingo nov 27, 2005 3:49 pm


Voltar para Sala de Convívio

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes