GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sagres

Zona para discussão de ideias, esclarecimento de dúvidas e apresentação de propostas sobre o autocaravanismo.

GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sagres

Mensagempor Duarte » quarta mai 18, 2016 4:11 pm

Desta vez foi no Estacionamento da Fortaleza de Sagres no domingo á noite dia 15 de maio de 2016 pelas 23:00 horas a GNR obrigou mais de 40 autocaravanas a saírem do parque de estacionamento da fortaleza de Sagres ao que parece por ordens da câmara Municipal de Vila do Bispo. Segundo me relatou o nosso companheiro Adelino Guerreiro a GNR não multou ninguém e pediu gentilmente a todos os autocaravanistas para sair do local pois tinham ordens superiores para o fazerem, pois acima de 21 autocaravanas já é considerado campismo selvagem ou acampada. Será que essas pessoas estavam todos no mesmo grupo ..Duvido...

Disseram ao nosso companheiro que o estacionamento da fortaleza de Sagres com as nossas autocaravanas que se pode estacionar durante o dia, mas pernoitar não.....

Qualquer dia não se vai poder ir a lado nenhum com as nossas Ac's pois as entidades publicas vão cada vez mais cedendo ao lobby dos campings apoiados pela CCDR.


Duarte
Guru do GPS
iGO Primo
Rapido 9086
Avatar do Utilizador
Duarte
Guru do GPS
 
Mensagens: 908
Registado: quarta nov 09, 2005 1:43 pm
Localização: São Bartolomeu de Messines - Algarve

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Paulo » quarta mai 18, 2016 4:48 pm

É nestas alturas a que muito gostaria de ver os representantes do autocaravanismo avançarem e esclarecerem a questão com as autoridades. Se há dedos a apontar a alguns Autocaravanistas, que se apontem, e se há abuso de poder na interpretação da Lei, que se dê a conhecer, pois as autoridades quando são confrontadas com evidências inequívocas tomam medidas internas.

Era bom que todos se sentissem envolvidos nestas questões, pois há motivos de reunião para lá dos encontros e convívios, sob pena de um dia destes toda essa liberdade ficar muito limitada ao campings e parques de autocaravanas.

Será que os comerciantes de Sagres concordam com o afastar dos Autocaravanistas da sua vila? Será que atrás deles também sairão surfistas? Será que o movimento de Inverno e das épocas mais baixas não se ressente com a ausência dos Autocaravanistas?

Já vimos este filme na Manta Rota há uns anos e o autocaravanismo prevaleceu à prepotência da GNR e a autarquia hoje diz que fazemos falta neste local!!!
Avatar do Utilizador
Paulo
Moderador
 
Mensagens: 1446
Registado: terça Oct 18, 2005 11:59 pm
Localização: Faro

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor jmg1969 » quarta mai 18, 2016 8:15 pm

PERSEGUIÇÃO...lamentável. :evil: :( :(

Sou por organizar uma manifestação aqui, em pleno Algarve! Quando juntarmos umas centenas de autocaravanas numa fila na 125, pode ser que sejamos ouvidos por todo o país!

Há abusos...Multa para cima! Agora não somos todos iguais e estamos a ver a liberdade que uma AC nos proporciona cada vez mais limitada... :(
Avatar do Utilizador
jmg1969
 
Mensagens: 125
Registado: segunda dez 14, 2015 11:14 pm
Localização: Algarve

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor time_out » quarta mai 18, 2016 9:01 pm

Boa noite

Os abusos normalmente têm um final infeliz.
Temos assistido em Portugal ao que se tem passado noutros países!!!

Falo essencialmente do que se passou em Marrocos pois é um pais que conheço faz muitos anos e que anualmente visito (não em autocaravana!) e que fui acompanhando o exponencial crescimento do autocaravanismo nas costas e depois o seu declínio por proibição pura e simples

Ainda há poucos anos Marrocos era o destino preferido de muitos milhares de autocaravanistas europeus para passarem varios meses durante o ano.
Os seus abusos "obrigaram" as autoridades a tomar iniciativas para por termo aos acampamentos selvagens que chegaram a juntar milhares de autocaravanas durante vários semanas (leia-se meses).

Como resultado muitos vieram a descobrir que Portugal tem muito mais para oferecer e bem mais perto do que Marrocos.
Claro que a grande maioria se comportou como quando descobriram Marrocos ou seja usar toda e qualquer area agradável para assentarem arreais durante o tempo que bem entendem.

Essas grandes aglomerações em zonas que não estão preparadas para receber autocaravanistas que cedo ou tarde trazem problemas que normalmente terminam com a pura e simples proibição de permanência.

É verdade que a autocaravana é um veículo como outro qualquer e que por si só não deveria ser descriminado mas a realidade é outra e os acampamentos com dezenas ou centenas (ainda muito pouco usual em Portugal) fazem com que as autoridades sejam obrigadas a tomar resoluções que muitos podem considerar injustas ( e são se não tivermos em conta o numero elevado do aglomerado!)

Claro que gostava que em portugal tivessemos as facilidades que outros paises como a França ou Alemanha disponibilizam aos autocaravanistas mas também faço notar que nesses países há muitos locais que em determinadas épocas do ano o sinal de proibição está bem visível impedindo o normal uso da autocaravana com veículo automóvel.

Para finalizar, 40 autocaravanas juntas em qualquer lugar não pode deixar de se considerar um grande acampamento!
time out

Hymer B SL614
(Sintra - Portugal)
Avatar do Utilizador
time_out
 
Mensagens: 1143
Registado: domingo nov 13, 2005 7:48 pm
Localização: Entre Belas e Sintra

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Henrique Fernandes » quarta mai 18, 2016 9:15 pm

O que me permito dizer sobre este assunto, com os dados acessíveis, é o seguinte:

1 - A ter sido efetivamente usado, o argumento de que "acima de 21 autocaravanas já é considerado campismo selvagem ou acampada" é uma autêntica novidade legislativa! Gostaria que a GNR tivesse sido questionada - no local - sobre a lei concreta que enquadra tal premissa. Palavra que gostava de ver...
2 - Relativamente ao comentário do companheiro Paulo, de que "É nestas alturas a que muito gostaria de ver os representantes do autocaravanismo avançarem e esclarecerem a questão com as autoridades", informo - no que concerne à FPA (a cujos corpos sociais pertenço) - que têm sido inúmeras (MUITAS) as diligências efetuadas pela FPA junto das mais diversas entidades, GNR incluída. Começamos a estar fartos de tanto "avanço e esclarecimento" infrutíferos. O que a FPA gostaria de fazer era avançar para os Tribunais, mas para isso seria necessário um arcaboiço financeiro que estamos longe de alcançar e que abunda no território dos nossos inimigos, os proprietários de certos campings.

O problema de fundo é a clássica incapacidade dos portugueses para se organizarem, participarem e associarem. Toda a gente refila e espera que alguém lute por eles. Quando há problemas, são os que mais protestam! Pergunto a mim mesmo quantos dos companheiros que aqui intervêm e reclamam estão associados em clubes - contribuindo com as suas quotas para o reforço financeiro da mirrada capacidade jurídica do nosso lado da barricada - ou participam de qualquer outra forma no movimento associativo em prol do bem comum...

O movimento associativo do universo autocaravanista mantém-se anémico, dividido e penetrado por pseudo-defensores do autocaravanismo incrustados no nosso maior inimigo, o lobby campista. Assim, não vamos lá. À GNR e a outras entidades não faltarão, querendo, "argumentos" futuros para intervenções de idêntico quilate.
Pode dizer-se que - num certo sentido - os autocaravanistas em geral, por não quererem incomodar-se com aquilo que é do seu interesse, só têm o que merecem...
Henrique Fernandes
 
Mensagens: 539
Registado: quarta Oct 28, 2009 8:18 pm
Localização: Guarda Membro do CGA-Clube Gardingo de Autocaravanas

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Vítor guadalupe » quarta mai 18, 2016 11:12 pm

Boa noite
pelo tempo instável não parece mas isto só nos faz lembrar uma coisa. .. O verão está aí a chegar ...
no inverno dão jeito mas no verão são um estorvo!!!
Cpts
Vítor
Se estivermos sempre à espera do momento certo, nunca vamos viver a vida.
Vítor guadalupe
 
Mensagens: 72
Registado: quarta jan 29, 2014 10:43 pm
Localização: Coimbra

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor time_out » quinta mai 19, 2016 8:27 am

Henrique Fernandes Escreveu:...
1 - A ter sido efetivamente usado, o argumento de que "acima de 21 autocaravanas já é considerado campismo selvagem ou acampada" é uma autêntica novidade legislativa! Gostaria que a GNR tivesse sido questionada - no local - sobre a lei concreta que enquadra tal premissa. Palavra que gostava de ver...


Penso que a visão não será que acima de 21 é acampada! Não sei se há ou não há lei que permita tal nem me interessa. Se internamente a GNR passou a considerar que acima de 21 é acampada os defensores dos ajuntamentos de autocaravanas em espaço publico deveriam estar contentes pois até 21 a GNR "fecha os olhos".
Se bem li no texto as AC estavam aparcadas junto das falésias o que, se bem me lembro, é interdito após o por do sol até ao nascer no dia seguinte (não só aí mas como em toda a costa portuguesa - corrijam-me se estiver errado!)

Henrique Fernandes Escreveu:...
2 - Relativamente ao comentário do companheiro Paulo, de que "É nestas alturas a que muito gostaria de ver os representantes do autocaravanismo avançarem e esclarecerem a questão com as autoridades", informo - no que concerne à FPA (a cujos corpos sociais pertenço) - que têm sido inúmeras (MUITAS) as diligências efetuadas pela FPA junto das mais diversas entidades, GNR incluída. Começamos a estar fartos de tanto "avanço e esclarecimento" infrutíferos. O que a FPA gostaria de fazer era avançar para os Tribunais, mas para isso seria necessário um arcaboiço financeiro que estamos longe de alcançar e que abunda no território dos nossos inimigos, os proprietários de certos campings.


O Paulo tem razão nas suas palavras e este espaço tem sido palco de inúmeras "sessões de esclarecimento" por parte de membros ditos "representantes do autocaravanismo" que mostram bem a visão que tem mas que ficam pelas palavras....

Henrique Fernandes Escreveu:...
O problema de fundo é a clássica incapacidade dos portugueses para se organizarem, participarem e associarem. Toda a gente refila e espera que alguém lute por eles. Quando há problemas, são os que mais protestam! Pergunto a mim mesmo quantos dos companheiros que aqui intervêm e reclamam estão associados em clubes - contribuindo com as suas quotas para o reforço financeiro da mirrada capacidade jurídica do nosso lado da barricada - ou participam de qualquer outra forma no movimento associativo em prol do bem comum...


Pelo que sei o movimento associativo existe. Há clubes para todos os gostos, regiões e até há 2 federações de clubes....
Mas a realidade é bem diferente pois os clubes não estão verdadeiramente interessados em resolver problemas do autocaravanismo, nem os clubes nem as federações pois há outros interesses...

Henrique Fernandes Escreveu:...
O movimento associativo do universo autocaravanista mantém-se anémico, dividido e penetrado por pseudo-defensores do autocaravanismo incrustados no nosso maior inimigo, o lobby campista. Assim, não vamos lá. À GNR e a outras entidades não faltarão, querendo, "argumentos" futuros para intervenções de idêntico quilate.
Pode dizer-se que - num certo sentido - os autocaravanistas em geral, por não quererem incomodar-se com aquilo que é do seu interesse, só têm o que merecem...


Tocou na ferida....
time out

Hymer B SL614
(Sintra - Portugal)
Avatar do Utilizador
time_out
 
Mensagens: 1143
Registado: domingo nov 13, 2005 7:48 pm
Localização: Entre Belas e Sintra

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Euroviajante » quinta mai 19, 2016 7:50 pm

Não me admira que isso viesse a acontecer.

O ano passado presenciei três autocaravanas portuguesas que fizeram um U acenderam um fogareiro ( meio bidon com tripé) fizeram uma fumarada enorme, almoçaram debaixo do toldo música aos berros como se o estacionamento da fortaleza fosse uma feira. Desculpem os feirantes que respeito. Eu, por vergonha, abandonei o estacionamento e fui embora.

Estas atitudes não podem acontecer, o que presenciei levam a atitudes de perseguição aos autocaravanistas como o que acabam de narrar. Há autocaravanistas que utilizam a via pública para fazerem o que querem, não desejam locais próprios para estacionar e onde deixam estacionar livremente abusam com mas condutas. Gente assim não são autocaravansitas mas sim outra coisa que não ouso escrever. Falo de nacionais e estrangeiros.

Sou um dos que defende a criação de locais de estacionamento para AC com regras, custo ao utilizador como existem em outros países europeus que frequento. Fazer autocaravanismo não é sinal de miserabilismo, antes uma forma de turismo própria em que cada um dignifique e respeite o local onde está, os usos e regras.

As autarquias devem, digo devem, estimular essa forma de turismo permitindo a criação de áreas de estacionamento próprias, com acessos a praias e centros de cidades ou vilas. A criação de ASA longe de praias, como a que existe (privada) no concelho de Vila do Bispo, não serve os veraneantes pois dista alguns KMs da praia da Boca do Rio. O mesmo acontece com o camping da Orbitur de Sagres que está longe do centro da vila e das praias e parece-me que nem tem "transfere" como existe em alguns campings de outros países.

Cada vez mais me desgosta fazer autocaravanismo em Portugal.
Imagem
Avatar do Utilizador
Euroviajante
 
Mensagens: 1272
Registado: quinta abr 04, 2013 5:03 pm
Localização: Salvaterra de Magos/ Penha de França

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Euroviajante » quinta mai 19, 2016 7:51 pm

Não me admira que isso viesse a acontecer.

O ano passado presenciei três autocaravanas portuguesas que fizeram um U acenderam um fogareiro ( meio bidon com tripé) fizeram uma fumarada enorme, almoçaram debaixo do toldo música aos berros como se o estacionamento da fortaleza fosse uma feira. Desculpem os feirantes que respeito. Eu, por vergonha, abandonei o estacionamento e fui embora.

Estas atitudes não podem acontecer, o que presenciei levam a atitudes de perseguição aos autocaravanistas como o que acabam de narrar. Há autocaravanistas que utilizam a via pública para fazerem o que querem, não desejam locais próprios para estacionar e onde deixam estacionar livremente abusam com mas condutas. Gente assim não são autocaravansitas mas sim outra coisa que não ouso escrever. Falo de nacionais e estrangeiros.

Sou um dos que defende a criação de locais de estacionamento para AC com regras, custo ao utilizador como existem em outros países europeus que frequento. Fazer autocaravanismo não é sinal de miserabilismo, antes uma forma de turismo própria em que cada um dignifique e respeite o local onde está, os usos e regras.

As autarquias devem, digo devem, estimular essa forma de turismo permitindo a criação de áreas de estacionamento próprias, com acessos a praias e centros de cidades ou vilas. A criação de ASA longe de praias, como a que existe (privada) no concelho de Vila do Bispo, não serve os veraneantes pois dista alguns KMs da praia da Boca do Rio. O mesmo acontece com o camping da Orbitur de Sagres que está longe do centro da vila e das praias e parece-me que nem tem "transfere" como existe em alguns campings de outros países.

Cada vez mais me desgosta fazer autocaravanismo em Portugal.
Imagem
Avatar do Utilizador
Euroviajante
 
Mensagens: 1272
Registado: quinta abr 04, 2013 5:03 pm
Localização: Salvaterra de Magos/ Penha de França

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Salazar » sábado mai 21, 2016 12:02 am

Mais uma vez, o POOC Sines-burgau.
Goste-se ou não, é a lei.
Salazar
 
Mensagens: 451
Registado: quarta jan 23, 2008 7:38 pm
Localização: Mayenne

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Paulo » domingo mai 22, 2016 11:19 pm

Boa noite,

Neste caso não sei se será o POOC (mas é provável...), pois a GNR terá argumentado um número de veículos, o qual o POOC não refere. Este inibe a pernoita de ACs e "afins" nos estacionamentos das praias. No caso do estacionamento da fortaleza, não é da praia, mas não sei se está na mancha abrangida pelo POOC.

Por estes motivos seria importante ter mais elementos.

Abraço,
Avatar do Utilizador
Paulo
Moderador
 
Mensagens: 1446
Registado: terça Oct 18, 2005 11:59 pm
Localização: Faro

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor Salazar » segunda mai 23, 2016 8:57 am

Eu também não sei se foi por causa do POOC ou não. Mas nisto tudo serve. Nem que seja pelo mau aspecto visual que uma mancha de 4X ACs estacionadas de forma desordeira.
Infelizmente, parece-me que o filme de Marrocos também vai acontecer por cá.
E por culpa de todos.
Nossa, que não damos o exemplo e não censurados e corrigidos comportamentos errados de quem não é de cá. E não me entendam mal; não se trata de ser xenófobo (como o são os nórdicos, os franceses, os holandeses,...), trata-se de cuidar do que é meu.
Das autarquias, que não compreendem o fenómeno e, mais uma vez, quando agirem, se agirem, será tarde demais.
Das autoridades, que se limitam a fazer o que sabem; proibir e multar.

No meio disto, o lobby dos campings nem precisa de se mexer...
Salazar
 
Mensagens: 451
Registado: quarta jan 23, 2008 7:38 pm
Localização: Mayenne

Re: GNR obriga á retirada de mais 40 Autocaravanistas em Sa

Mensagempor danibeja » segunda mai 23, 2016 8:58 pm

time_out Escreveu:
Henrique Fernandes Escreveu:...
1 - A ter sido efetivamente usado, o argumento de que "acima de 21 autocaravanas já é considerado campismo selvagem ou acampada" é uma autêntica novidade legislativa! Gostaria que a GNR tivesse sido questionada - no local - sobre a lei concreta que enquadra tal premissa. Palavra que gostava de ver...


Penso que a visão não será que acima de 21 é acampada! Não sei se há ou não há lei que permita tal nem me interessa. Se internamente a GNR passou a considerar que acima de 21 é acampada os defensores dos ajuntamentos de autocaravanas em espaço publico deveriam estar contentes pois até 21 a GNR "fecha os olhos".
Se bem li no texto as AC estavam aparcadas junto das falésias o que, se bem me lembro, é interdito após o por do sol até ao nascer no dia seguinte (não só aí mas como em toda a costa portuguesa - corrijam-me se estiver errado!)

Henrique Fernandes Escreveu:...
2 - Relativamente ao comentário do companheiro Paulo, de que "É nestas alturas a que muito gostaria de ver os representantes do autocaravanismo avançarem e esclarecerem a questão com as autoridades", informo - no que concerne à FPA (a cujos corpos sociais pertenço) - que têm sido inúmeras (MUITAS) as diligências efetuadas pela FPA junto das mais diversas entidades, GNR incluída. Começamos a estar fartos de tanto "avanço e esclarecimento" infrutíferos. O que a FPA gostaria de fazer era avançar para os Tribunais, mas para isso seria necessário um arcaboiço financeiro que estamos longe de alcançar e que abunda no território dos nossos inimigos, os proprietários de certos campings.


O Paulo tem razão nas suas palavras e este espaço tem sido palco de inúmeras "sessões de esclarecimento" por parte de membros ditos "representantes do autocaravanismo" que mostram bem a visão que tem mas que ficam pelas palavras....

Henrique Fernandes Escreveu:...
O problema de fundo é a clássica incapacidade dos portugueses para se organizarem, participarem e associarem. Toda a gente refila e espera que alguém lute por eles. Quando há problemas, são os que mais protestam! Pergunto a mim mesmo quantos dos companheiros que aqui intervêm e reclamam estão associados em clubes - contribuindo com as suas quotas para o reforço financeiro da mirrada capacidade jurídica do nosso lado da barricada - ou participam de qualquer outra forma no movimento associativo em prol do bem comum...


Pelo que sei o movimento associativo existe. Há clubes para todos os gostos, regiões e até há 2 federações de clubes....
Mas a realidade é bem diferente pois os clubes não estão verdadeiramente interessados em resolver problemas do autocaravanismo, nem os clubes nem as federações pois há outros interesses...

Henrique Fernandes Escreveu:...
O movimento associativo do universo autocaravanista mantém-se anémico, dividido e penetrado por pseudo-defensores do autocaravanismo incrustados no nosso maior inimigo, o lobby campista. Assim, não vamos lá. À GNR e a outras entidades não faltarão, querendo, "argumentos" futuros para intervenções de idêntico quilate.
Pode dizer-se que - num certo sentido - os autocaravanistas em geral, por não quererem incomodar-se com aquilo que é do seu interesse, só têm o que merecem...


Tocou na ferida....


Boa tarde,

Opiniões são para cada um, por isso opino.....

Companheiro time_out, julgo que não o conheço, mas pelo que escreveu (acima citado) para mim disse-me muito.

A interpretação que faz das palavras do companheiro Henrique Fernandes é totalmente errada, e basta uma palavra para resumir tudo o que eu inicialmente pensei escrever, e a palavra é ALTRUÍSMO.

Na FPA e nos clubes que a compõem os seus corpos sociais pagam a quase totalidade de tudo o que se propõem fazer pelo autocaravanismo, já para não dizer que pagam quotas......

É por estas e por outras que cada vez menos tenho vontade de remar contra a maré.

Efectivamente os clubes ou federações não precisam de grande investimento para impugnar uma contra-ordenação, pois quem infringe não pertence a estes clubes, e provavelmente nem a outra... já os sócios destes clubes podem ter a certeza que se cumprirem com as regras de ouro deste portal terão uma boa defesa/impugnação para apresentar administrativamente, e caso seja indeferida parte-se para os meios judiciais....

Os Campistas estão deveras importados que se mantenha este estado de coisas, que nada se altere na lei, e que a FPA se mantenha tal como está com apenas 3 clubes, pois fazendo uma analogia para a "Teoria do Caos", esta falta de legislação favorece os seus intentos, as variáveis para o seu sucesso (campista) tornam previsível que mais tarde ou mais cedo todos os autocaravanistas sejam obrigados a usar parques de campismo, essa previsibilidade apesar de complexa, é possível verificar através do "efeito borboleta", desta vez em Sagres proíbe-se, amanhã noutro local, e assim sucessivamente até não haver onde estacionar na via pública......

Para terminar, desistir não desistimos, o projecto é para continuar, mas que já não é com a mesma energia, é um facto !!!! E EU não tenho dúvidas que quem fica a perder são os autocaravanistas quando em modo Itinerante - que como disse acima, para mim tem os dias contados.

Grande abraço,

Danibeja
"Nós poderíamos ser muito melhores se não quiséssemos ser tão bons."
( Sigmund Freud )

"O Autocaravanismo é uma forma de Automobilismo."
Daniel Beja

Membro do Clube Autocaravanista Itinerante

Knaus Sun Traveller 500 - Fiat 2.8 IDTD
danibeja
 
Mensagens: 1029
Registado: domingo nov 08, 2009 9:11 pm
Localização: Queluz, O Técnico de Bricolage do Clube de Autocaravanismo da Abeceira


Voltar para Autocaravanismo

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 4 visitantes

cron