Dúvidas, muitas dúvidas

Assuntos gerais relacionados com autocaravanismo.

Dúvidas, muitas dúvidas

Mensagempor Supertramp » sábado jun 25, 2016 5:01 pm

Desde já boa tarde,

tenho pesquisado muito aqui no fórum e tenho encontrado tópicos que já me ajudaram bastante. Não tenho nenhuma AC, mas ando há uns anos a namorar a compra de uma, mas fui sempre adiando por uma questão ou o outra. Já viajei bastante, mas sempre tive aquele sonho de puder viajar pelo mundo, sem preocupação sobre onde dormir ( sempre em segurança ), e sem ter de ir pelos sítios mais comuns, ter mais liberdade de escolha.

Tendo de momento alguma facilidade, quero tirar pelo menos um ano, para viajar, eu e a minha namorada. Tencionamos ir algures durante os próximos 2 anos. Primeiro Europa, depois talvez sudoeste asiático. Confesso não ser um especialista em "motores", nunca tive aquela paixão por carros, então percebo mesmo muito pouco ( embora tenha lido bastante ultimamente ).

Então começemos com as principais dúvidas:
- furgão para remodelar ou AC? AC dará menos trabalho, mas a nossa principal questão é que, se nem sempre conseguirmos ficar em sítios próprios, não será o furgão mais discreto e mais seguro? Qual acabará por ficar mais em conta?
- Compensa mais comprar em Portugal ou ir comprar a França ou Alemanha ( por exemplo ) e trazer? Que custos adicionais implica?
- Optando posteriormente por um deles, quais furgões ou AC aconselham? Damos valor aos consumos, que seja fácil arranjar peças caso tenhamos algum azar, que tenha chuveiro ou espaço para, que seja segura em termos de condução.

Vou começar apenas por estas, para ter tempo de assimilar mais algumas ideias. Obrigado!
Supertramp
 
Mensagens: 3
Registado: quinta jun 23, 2016 11:20 am

Re: Dúvidas, muitas dúvidas

Mensagempor erebrus » domingo jun 26, 2016 6:55 am

Há muitas variáveis em jogo aí, principalmente quando metes Sueste Asiático ao barulho. Assim sendo, vou começar focando só a Europa.
Considerando só duas pessoas e que queres ter consumos em conta, transformar um furgão fica-te mais em conta.
Em 2012 comprei uma ford transit de 2000 por 3100€. Tive que pagar cerca de 2800€ em despesas legais de transformação (só o IA foram 2400€). Porém, fui capaz de fazer uma transformação por 5000-6000€ que incluiu: frigo compressor, 2x100ah de baterias , inversor de 2000W, fogão, cama 180x120, depositos de 70+20L de águas limpas e 70L de águas cinzentas, exaustor, wc com chuveiro, 2 paneis solares, etc. Por fora, a menos que se olhe de cima - dando para ver os paineis e a claraboia - é praticamente impossível perceber que é uma AV. Isso trouxe-me imensas vantagens a nível de segurança e possibilidade de estacionar em qq sítio na Europa. Além disso, consumos de 8.5L aos 100km durante a maior parte da viagem ajudaram a manter os custos "baixos".
É muito díficil conseguires uma AC de 2000 em diante com esse preço. Pelo menos em 2013 era. Por outro lado, só consegui fazer por um valor tão baixo devido a vários truques, sites de peças em conta (lulukabaraka por ex.) e ter alguém que me ajudou na construção.
Outra vantagem da transformação, é que se fores tu a fazer (ou participar activamente) quando alguma coisa avariar em viagem (o que vai acontecer se viajas por tanto tempo) vais ter mais possibilidades de arranjar.
Quanto a marcas, mercedes, iveco e ford transit são claras vencedoras, a nível de fiabilidade e arranjares peças ou quem repare em qualquer sítio do mundo. Aliás, eu comprei a ford transit exactamente porque é uma carrinha comum em todo o mundo (ainda que iveco e mercedes sejam superiores a nível de fiabilidade)

Dito isto, há desvantagens:
a) Dá MUITO TRABALHO. A sério...muito mesmo e há aspectos difíceis de resolver perfeitamente - e.g. isolamento térmico.
b) Se vais para o Sueste Asiático, tentar ser stealth deixa de ser importante porque darás sempre nas vistas.
c) Motores mais novos são muito interessantes na Europa, mas dão problemas com combustíveis de países de 3o mundo.
d) Quando te metes em aventuras fora da Europa, a qualidade da construção passa a ser muito importante. Por exemplo, lembro-me dum site (silk road network acho) sobre pessoal que costuma fazer viagens à china e eles diziam que mesmo no que toca a ACs, a diferença da qualidade de construção é brutal e com tantos km de estradas manhosas, havia casos de armários a soltarem-se da carroçaria, etc. Isto significa que vais ter ainda mais trabalho.

Quanto a importar. Se o quiseres fazer, vais ter que pagar 30% do IA. Procura o simulador online para saber o valor exacto - depende da idade da carrinha e da cilindrada. A nível de furgão, não vale a pena importar. Se quiseres uma AC a conversa já é diferente.
erebrus
 
Mensagens: 122
Registado: sexta abr 20, 2012 9:04 am
Localização: Faro, Portugal

Re: Dúvidas, muitas dúvidas

Mensagempor Supertramp » domingo jun 26, 2016 1:28 pm

Obrigado, o que precisamos neste momento é mesmo de opiniões de pessoas com mais experiência no assunto.

Em relação ao sueste asiático, se virmos que não temos condições para o fazer, deixaremos para outra altura. Tenho quem me ajude na construção e quero participar ativamente nela exatamente pela razão referida, até porque sou praticamente um zero à esquerda nesses assuntos. Se optar ( coisa que não me agradaria tanto ) por fazer a remodelação numa empresa especializada, tem alguma a sugerir e o custo associado aproximadamente? Quanto aos motores e à possibilidade de se viajar para o continente asiático, o que ter em conta? Estamos prontos para ter muito trabalho, estabelecemos um prazo de 2 anos para ter tudo pronto, já a ter em conta a quantidade de trabalho que temos tido ultimamente e a quantidade de tempo e atenção que requer um projeto destes.

O furgão, em relação ao peso sem nada dentro ainda, até onde é aconselhável comprar? Tinha lido que as ducato seriam muito boas, por causa do tamanho e do peso. Quanto à remodelação em si, algum sítio por onde nos poderemos guiar? O que usar, por exemplo, para o isolamento térmico? Que será muito importante, visto ser pelo menos um ano a viajar.
Supertramp
 
Mensagens: 3
Registado: quinta jun 23, 2016 11:20 am

Re: Dúvidas, muitas dúvidas

Mensagempor time_out » segunda jun 27, 2016 8:59 am

Bom dia

Aqui pode encontrar alguns links para páginas que o pode interessar.

http://www.campingcarportugal.com/forum/viewtopic.php?f=17&t=7672&p=65563&hilit=isolamento#p65563
time out

Hymer B SL614
(Sintra - Portugal)
Avatar do Utilizador
time_out
 
Mensagens: 1052
Registado: domingo nov 13, 2005 7:48 pm
Localização: Entre Belas e Sintra

Re: Dúvidas, muitas dúvidas

Mensagempor erebrus » terça jun 28, 2016 11:49 am

Supertramp Escreveu:Obrigado, o que precisamos neste momento é mesmo de opiniões de pessoas com mais experiência no assunto.

Em relação ao sueste asiático, se virmos que não temos condições para o fazer, deixaremos para outra altura. Tenho quem me ajude na construção e quero participar ativamente nela exatamente pela razão referida, até porque sou praticamente um zero à esquerda nesses assuntos. Se optar ( coisa que não me agradaria tanto ) por fazer a remodelação numa empresa especializada, tem alguma a sugerir e o custo associado aproximadamente? Quanto aos motores e à possibilidade de se viajar para o continente asiático, o que ter em conta? Estamos prontos para ter muito trabalho, estabelecemos um prazo de 2 anos para ter tudo pronto, já a ter em conta a quantidade de trabalho que temos tido ultimamente e a quantidade de tempo e atenção que requer um projeto destes.

O furgão, em relação ao peso sem nada dentro ainda, até onde é aconselhável comprar? Tinha lido que as ducato seriam muito boas, por causa do tamanho e do peso. Quanto à remodelação em si, algum sítio por onde nos poderemos guiar? O que usar, por exemplo, para o isolamento térmico? Que será muito importante, visto ser pelo menos um ano a viajar.


Para ires ao sueste asiatico por terra só dá por China, o que não é possível a menos que tenhas toneladas de dinheiro (têm regras lixadas no que toca à importação de veículos). Mas podes fazer a rota por Irão até bangladesh e apanhar um ferry até Malásia, ou vais pela russia e apanhas um ferry lá (tipo para singapura). A primeira opção é muito mais em conta, mas tens que passar por Irão e Paquistão.

Transformações contratadas andam por 12-18k. Uma hipotese a considerar é contratar só a primeira parte, ou seja, isolamento térmico e forrar as paredes. É a parte mais lixada. Dá muito trabalho mesmo e visto que a carrinha não é feita de linhas rectas, às vezes torna-se difícil. Esta é a opção que eu pondero para a próxima vez, mas tens que planear tudo muito bem antes (e.g. tubos, cabos, etc).

Teoricamente, fora Marrocos, Tunisia, Egipto, Turquia e mais uns quantos, quererás ter um motor só Euro 3, ou então...tens que estar preparado para fazer algumas alterações - filtros e assim acho eu. O combustível em países de 3o mundo é muito mais sujo e os novos motores são mais sensíveis a isso. Alguns motores podem até não estar preparado para altas altitudes e simplesmente desligam electrónicamente. Motores antigos vão continuar a funcionar, ainda que com muita mais fumarada.

Convém mesmo conseguires uma carrinha com peso bruto máximo de 3.5T. A minha tem PB 3.5T e tara por volta de 1.9T. A minha transformação é relativamente leve e a carrinha fica pelos 2.5-2.6T. Convém deixares folga, principalmente se vais exigir muito da carrinha. As Sprinter são muito boas, mas a tara anda pelas 2.2T.

As Ducato/Boxer/Jumper são muito apreciadas para transformações. Os motores são muito eficientes e são carrinhas particularmente espaçosas, nomeadamente em termos de largura, o que permite muita flexibilidade a nível de layout interior. São carrinhas de tracção à frente, o que significa que há mais espaço para depósitos debaixo da carrinha, uma maior altura interior, e uma maior segurança de condução em más condições. As desvantagens são que os motores são mais sensíveis, não igualmente fáceis de arranjar em qq sítio do mundo, os chassis não são tão resistentes (embora hajam uns alterados para AC) comparados com as marcas que referi, têm menos altura entre o chão e a carrinha e a tracção em súbidas (se gostas de ir para sítios mais fora da estrada) é pior. Na minha opinião, se uma pessoa quer uma carrinha só para a Europa, sem grandes aventuras off-road, estas carrinhas são as melhores. Mas se pensas em mais aventuras, eu pessoalmente prefiro as carrinhas que referi.
No meu caso a minha ford transit é tracção atrás. No início foi algo que me incomodou, mas depois de ver com que facilidade faço qualquer subida em terreno arenoso (e.g. perto de praias) mudei de opinião.

Algo que sugiro também é que antes dessa aventura façam umas quantas viagens pequenas, primeiro uns fins-de-semana, depois um par de viagens de 1 ou 2 semanas. Aliás, façam isso cedo, porque não só vos ajuda a habituar ao que é estar na estrada, mas também vos vai dar ideias sobre como melhorar a transformação. A minha transformação base tem 3 anos, mas ainda hoje vou fazendo melhorias e é incrível a diferença que pequenos detalhes podem fazer.
erebrus
 
Mensagens: 122
Registado: sexta abr 20, 2012 9:04 am
Localização: Faro, Portugal


Voltar para Assuntos Gerais

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron